Posts antigos

Doroteia

Para comemorar o centenário de Nelson Rodrigues, estão rolando muitas homenagens ao escritor. Essa peça específicamente é estrelada por Alinne Moraes. “Uma farsa irresponsável”. Essas foram às palavras usadas por Nelson Rodrigues ao definir o texto que escreveu em 1949.

“Dorotéia” conta a história de uma mulher que abandona a prostituição após perder o filho e procura a família como salvação. Chegando à casa de suas primas viúvas, D. Flávia, Carmelita e Maura, depara-se com três figuras medonhas que a repudiam por conta de sua beleza e lhe impõem uma condição: que ela fique feia. D. Flávia, a mais radical do grupo, acredita que os atributos físicos de Dorotéia podem encher sua casa de pecado. As três viúvas são feias e acreditam que os desejos da carne geram a perdição. Para interpretá-las João Fonseca convocou três homens: Gilberto Gawronski, Alexandre Pinheiro e Paulo Verlings. Os atores trazem o universo masculino para dentro da obra e transformaram as mulheres em monstros destituídos de vaidade e feminilidade.

A montagem de João Fonseca revê um clássico do teatro nacional com os figurinos de Thanara Schönardie e com a cenografia de Nello Marrese, parceiro de João em diversos outros espetáculos.

 


Local: Teatro Raul Cortez (Rua Doutor Plínio Barreto, 285, Bela Vista)
Temporada: 28 de julho a 14 de outubro
Horários: sextas às 21h30, sábados às 21h; domingos às 19h
Ingressos: R$60,00 (sexta-feira e domingo) e R$ 70,00 (sábado)
Bilheteria: De terça a quinta-feira. Das 14h às 20 horas. Sexta-feira a domingo, das 14h até o início do espetáculo. Os ingressos também estarão disponíveis pela internet: www.ingressorapido.com.br, telefone: 4003-1212
Classificação etária: 14 anos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.