Leitura de férias: O tempo entre costuras

A escritora María Dueñas é um verdadeiro fenômeno. Quando ela lançou este maravilhoso O tempo entre costuras, em 2009, não esperava a repercussão que alcançou. Hoje, disputada pelas maiores editoras do mundo, María Dueñas é comparada a Carlos Ruiz Zafón por sua prosa hipnotizadora e a forma cheia de imaginação e delicadeza com que combina fatos e personagens reais com ficcionais. A verdade é que depois que se conhece Sira Quiroga, a encantadora costureira que protagoniza esta aventura, é impossível esquecê-la.

11035812

O livro fez tanto sucesso que virou uma série espanhola protagonizada pela belíssima atriz Adriana Ugarte e conta a trajetória de Sira Quiroga, jovem costureira que, meses antes da Guerra Civil Espanhola (1936-1939), abandona o noivo Inácio em Madri para seguir Ramiro, um homem por quem se apaixona à primeira vista, rumo a Tânger, no Marrocos.

Em pouco tempo, porém, a felicidade se converte em drama. Os caminhos da vida destroem os sonhos românticos de Sira que fica sozinha e precisa garantir a própria sobrevivência. Sem condições de voltar à terra natal, a moça se desespera. Em um país desconhecido, carregando o peso de dívidas alheias e com o coração partido, Sira vai parar em Tetuão, capital do então protetorado espanhol no Marrocos.

Para se manter, ela não tem escolha senão seguir fazendo a única coisa que sabe: costurar. Após abrir seu próprio negócio, a vida de Sira passa por uma inesperada reviravolta ao montar um ateliê de alta-costura que faz muito sucesso. E não vou dar mais spoilers porque vale muito a pena ler esse livro cheio de romance, aventura e moda. É daqueles que não dá vontade de parar ler.

o_tempo_entre_costuras_01_site_grande

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *